Carregando Espetáculos
  • Este espetáculo já passou.

Uma fazenda, um funeral. Após a morte do companheiro, Tom se depara com o fato de nunca ter existido para a família do namorado. Nesse ambiente rural austero, ele cai numa trama de mentiras criadas pelo truculento irmão do falecido que tenta, a todo custo, esconder  da mãe a orientação sexual de Tom. A fazenda, aos poucos, vira cenário de um jogo perigoso. Quanto mais os personagens se aproximam, maior é a sombra de suas contradições. O texto parte da sexualidade para falar de maneira ampla sobre as relações humanas.

O texto, montado pela primeira vez em 2011, em Montreal, e adaptado para o cinema por Xavier Dolan, em 2013, é do premiado autor canadense Michel Marc Bouchard, até então inédito nos palcos brasileiros. Idealizado pela ator e produtor Armando Babaioff, que também assina a tradução, a encenação de Rodrigo Portella estreou em 2017 no Rio de Janeiro e tem cinco indicações ao Prêmio Shell – Rio: direção, cenário, música e ator (Babaioff e Gustavo Vaz).

Ficha Técnica:
Texto: Michel Marc Bouchard
Tradução: Armando Babaioff
Direção: Rodrigo Portella
Elenco: Armando Babaioff, Kelzy Ecard, Gustavo Vaz e Camila Nhary
Cenografia: Aurora dos Campos
Iluminação: Tomás Ribas
Figurino: Bruno Perlatto
Direção Musical: Marcello H.
Preparação Corporal: Lu Brites
Coreografia: Toni Rodrigues
Assessoria de Imprensa: Bianca Senna e Paula Catunda
Assistente de cenografia: Manu Libman
Assistente de figurino: Luísa Marques
Técnico de efeitos aéreos: Cláudio Baltar
Direção de Produção: Sérgio Saboya
Produção executiva: Milena Monteiro
Assistente de produção: Pri Helena

 

75px-DJCTQ_-_16.svg

Não recomendado para menores de 18 anos